BICOLOR


Nome Comum:

Bicolor, Bicolor Vermelho

Nome Científico:

Erythrura psittacea

Distribuição e Habitat natural:

Austrália, Ilhas Carolinas, Ilhas Molucas e regiões da Nova Guiné.

Alimentação:

Estas aves tropicais são predominantemente graminívoras. Deve proporcionar-lhes uma mistura de sementes para aves tropicais de pequeno porte e de vez em quando, algumas porções de milho painço italiano, sementes germinadas, sementes semi-maduras e alimentos verdes.

Em especial durante a época de gestação, tem necessidade de proteínas animais sob a forma de pequenos insetos tais como vermes da farinha. Devem sempre dispor de areia em quantidades suficiente, para que possam satisfazer as suas necessidades digestivas.

Mutações:

Conhecem-se diversas mutações cromáticas, entre as quais o verde-marinho (com penas cor de laranja, no lugar das vermelhas da forma selvagem) e a malhada, variando o tamanho e a quantidade das partes malhas de amarelo. A cor do bico das aves malhadas também pode variar.

Temperamento / Características:

De um modo geral, estas aves são pacíficas e não causam problemas num viveiro misto. Se existir espaço suficiente, é possível criar vários casais em conjunto.

Medem aproximadamente 12 a 13 centímetros, as fêmeas possuem uma coloração mais pálida e não tem penas vermelhas sob a cauda. Por vezes, a máscara da fêmea também é mais pequena que a do macho.

Os bicolor são velozes e engordam rapidamente se o ambiente que os rodeia não os estimula à ação. É o que acontece particularmente numa gaiola de criação e, em menor grau, num viveiro em recinto fechado.

Certifique-se de que tem espaço suficiente e posicione os poleiros de tal forma que as aves tenham de fazer esforço para se descolar de um poleiro para outro. Gostam muito de tomar banho.

Uma tina de cerâmica ou plástico constitui uma banheira ideal, mas deve ser retirada passadas algumas horas para evitar que as aves bebem a água suja.

Historia:

Erythrura psittacea é uma espécie de ave foi descrita pela primeira vez por J. F. Gmelin Hadton de volta em 1789. Erythrura psittacea com os membros do gênero Erythrura e família Estrildidae.

Compre agora: (84) 8804-9717
Acesse também: A VOZ DOS PÁSSAROS

Fonte: Canaril Feijó / Aílson Feijó / OpenBrasil.org
Foto: Spectrumaquarium

Postagens mais visitadas

Imagem

CALOPSITA

Imagem

CANÁRIO BELGA

Imagem

MANDARIM